Home

Recuperar a informação onde o ruído cria incerteza.”

Fundado por Fernando Portela Câmara, MD, PhD

Consultoria – Cursos – Palestras – Grupos de estudos – Pesquisa e desenvolvimento

 

A questão essencial nos dias de hoje é a capacidade para tomar decisões. Vivemos em ambientes de incertezas e imprevisibilidade; como tomar decisões em tais cenários? Isso envolve coisas como conhecimento do comportamento estocástico dos processos que evoluem com o tempo, do comportamento de grupos sociais e de indivíduos racionais que disputam interesses comuns etc.

Essa questão equivale, em Teoria da Informação, ao problema de como selecionar informação em um canal cheio de ruídos. Ou, em termos cibernéticos, como usar a lei de Ashby para suprimir o máximo de ruído em sistemas naturalmente regulados. Como organizar sistemas homeostáticos onde seja possível conduzi-los com correção atual de curso.

Isso certamente interessa a grupos, empresas, partidos, sociedades, movimentos socais, saúde mental coletiva etc. Mas todo esse conhecimento decorre do estudo do cérebro em ação, como melhor usá-lo, como perdemos nossa capacidade de tomar decisões em situações de sobrecarga cognitiva e afetiva, em exaltações coletivas, manipulação midiática e neuroquímica, ou pela doença mental. O cérebro está no mundo, e o mundo é o cérebro.

O cérebro social e individual, suas capacidades e limites, como ele adoece e pode se recuperar, razão e consciência, são alguns dos temas que o Instituto Stokastos estuda, pesquisa e compartilha seus conhecimentos.

Eis alguns temas dos nossos programas:

– Tomadas de decisões, incertezas e funcionamento cognitivo crítico.

Pedagogia neural. Como máquinas e cérebros aprendem.

– Cérebros, mídia, controle social e seus equívocos perigosos

– Dark psychiatry: Tecnologias do self e guerras neuroquímicas

– Inteligência artificial: o alienígena entre nós.