Enxames Assassinos

Uma formiga, dez formigas, mil formigas são insetos absolutamente estúpidos e aleatórios. Não tem um programa de sobrevivência. Entretanto, cem mil, um milhão, cem milhões de formigas formam um formigueiro, uma coletividade que atua como um organismo líquido, dotado de comportamento inteligente, autônomo. Em um formigueiro há formigas que buscam alimentos, formigas que patrulham o formigueiro, formiga que cuidam dos afazeres domésticos, formigas que alimentam bebês-formigas… Há lugar para depositar os mortos e para o lixo, lugar para recrutamento e divisão de funções, berçários…

Esse comportamento emerge de regras muito simples, quais sejam: a interação formiga-formiga, que inclui trocas de sinalização química (feromônios) entre elas para comunicar informações, e interação formiga-ambiente. O sistema todo entra em correlação e se auto-organiza espontaneamente, e disto emerge uma propriedade global de natureza adaptativa. Não há um governo central, tudo decorre do coletivo que atua como um organismo (bottom-up). É a mesma coisa com cupins, abelhas, bandos de aves, cardumes… Chama-se a isso “inteligência de enxame” (swarm intelligence, Beni & Wang, 1989).

Esse comportamento coletivo é frequentemente cooperativo, p. ex., construindo pontes para vencer obstáculos, carregando objetos muito mais pesados que cada indivíduo,  e outros. Nada há de místico nisso e pode ser modelado in silico ou mesmo em multi-microrobôs.

Inteligência enxame é hoje um ramo avançado da Inteligência Artificial, e tem múltiplas aplicações em otimização de processos etc.

Imagine agora que nanorobôs e mini-drones podem, através de regra simples de interação, computar uma inteligência enxame, atuando como um organismo. É precisamente isto que já está em andamento: enxames de mini-drones, cada um do tamanho de um canário ou um gafanhoto, com poder de aos milhares buscar, atacar e destruir pessoas aonde quer que elas estejam ou se escondam, bem como poder de sabotar e destruir instalações. Tal inteligência artificial é indefensável.

Vejam os vídeos abaixo e tirem suas conclusões.

Robõs assassinos: enxames de micro-drones de busca e destruição.

Simulação de ataque com enxame de micro-drones.